segunda-feira, 6 de julho de 2015

É normal

Nos últimos dias, recebi muitos comentários aqui no blog, com relatos muito sinceros de várias pessoas que estão parando de fumar. Eu fico tri contente de poder receber todos vocês aqui e compartilhar nossos relatos. Eu poderia agora inventar fórmula mágica, ou fazer de conta que existe um milagre por trás de parar de fumar, ou que é algo simples. Não é. Mas não se preocupe, é normal que não seja.

A ansiedade: é normal. Pensa em quanto tempo o cigarro foi uma válvula de escape, é normal que a ansiedade aumente. Claro, sabendo que é normal, tendo consciência disso, acho que a gente pode tentar alguns mecanismos pra tentar aliviar, tornar mesmo tortuoso. Adotar os chicletes, roer legumes cortados em forma de palito ou simplesmente parar para respirar profundamente, com longas inspirações e expirações, pode ajudar. Eu sempre acho que a consciência do problema tem que ser uma arma a nosso favor, é onde vemos que somos capazes da mudança. Tornar essa ansiedade consciente simplesmente pra nos conformarmos com ela não me serve. Não que eu tenha deixado de ser ansiosa nesses anos (gente, já faz anos que eu parei! que lindo), mas essa ansiedade da parada de fumar, que parece que vai corroendo a gente por dentro, não tenho mais.

A dúvida também é normal. Só não deixem que ela se sobreponha à vontade de se ver livre do cigarro. Olha, eu vivo tri bem sem cigarro e, ainda assim, tenho uns sonhos tão realistas de que estou fumando que fico em dúvida se aquilo aconteceu mesmo ou não. A cabeça da gente prega peças o tempo inteiro, então é preciso estar alerta e forte, como diz aquela música.

O que eu não tenho dúvida é que todo mundo é capaz. E não precisa ter vergonha ou se achar menos merecedor por pedir ajuda: toda a ajuda a bem-vinda e necessária. Não é uma tarefa fácil, por isso não tenha vergonha de recorrer a médicos, grupos de apoio, ou mesmo compartilhar sua história aqui. Se tem uma coisa que anda em falta no mundo, e que eu sempre acreditei, é no poder da empatia, de se colocar no lugar do outro, ser capaz de se sensibilizar. E é isso que esse blog é: um espaço de pessoas empáticas, que se sensibilizam e não julgam uns aos outros pelo modo pelo qual estão tentando parar de fumar, mas que se apoiam mutuamente.

Grande semana para vocês!


Um comentário:

  1. Futuros Deltas Tocantins8 de janeiro de 2016 16:48

    Seu blog esta me ajudando demais...estou no começo da caminhada mas tenho certeza que vou conseguir abçs e volta aqui...

    Excluir