sexta-feira, 13 de junho de 2014

O Futuro do Cigarro

Olá, pessoal!
Hoje temos a ótima contribuição do Paulo Augusto Sebin, em uma matéria que aborda desde o apelo das propagandas de cigarro até o início dos anos 2000, até dicas sobre como parar com esse vício maledeto.

Confere aí:


Houve um tempo que fumar era mais do que o ato de inalar fumaça. Na verdade, era até charmoso. Os homens se sentiam mais homens, diferentes. Pura ilusão. Pobres pessoas que foram convencidas pelas propagandas e marketing de décadas passadas que fumar era o que estava na moda.

Eu ainda lembro-me das propagandas televisivas lá na década de 1990, onde eram exibidos homens elegantes ou estilo cowboy, sempre com bons carros e acompanhados por lindas mulheres vivendo aventuras. Qual criança ou adolescente não imaginou, ao menos uma vez, fumando um cigarro para ser aceito na sociedade?


Desde 2000, pela lei Antifumo, essas propagandas são mais restritas no Brasil. Rádio e TV são proibidas de vincular propagandas sobre o cigarro. Só é permitido com cartazes em ambientes fechados, como bares, por exemplo. De acordo com a Agência Brasil, desde a regulamentação dessa lei, um a cada três brasileiros já conseguiram parar de fumar. E há ainda quem diga que o marketing não influencia nas decisões das pessoas.


Com essas informações significa que o cigarro está com seus dias contados? Absolutamente, não. Depois de tantas restrições de propaganda, as fabricantes conseguiram lançar produtos mais atrativos justamente para os jovens. Hoje é possível encontrar cigarros com sabor, colocando um composto químico que libera um sabor característico, como morango, maçã, uva, hortelã, entre outros. Já presenciei muitos amigos entrando no mundo do cigarro por conta disso.


Um caminho sem volta?

Não importa quantos dias, meses ou anos uma pessoa tenha o costume de fumar. A partir do momento que o organismo se torna dependente da nicotina, sendo essa apenas uma das centenas de substâncias perigosas, parar de fumar se torna um sofrimento.


Baseado em um artigo sobre como parar de fumar, muitas pessoas se perguntam ainda por que é tão difícil largar o cigarro. A razão é simples.


Em cada inalada de fumaça, as moléculas da nicotina entram pelas vias aéreas, chegam até os alvéolos, que são pequenas bolsas não visíveis ao olho nu, responsáveis por enviar as substâncias para a corrente sanguínea. Sua missão é enviar, claro, gás oxigênio e remover os gases de carbono.


A partir do momento que a nicotina entra na corrente sanguínea, em poucos segundos chega ao cérebro. Lá, a substância se aloja nas células (neurônios) centrais, que são justamente responsáveis pelo prazer no ser humano.


A nicotina permanece no organismo por aproximadamente duas horas. Por isso, em muitos casos, não demora muito para que haja uma vontade e necessidade de fumar novamente, pois é o cérebro que está muito dependente.


Mas se pretende parar de fumar, como prosseguir?
De acordo com o médico Drauzio Varella, famoso pelos seus quadros no programa Fantástico, da Rede Globo, há algumas metodologias importantes que podem auxiliar nesse processo.


- Força de vontade: o primeiro e mais importante passo. O dependente da nicotina precisa ter a ampla consciência de que chegou a hora de parar. Infelizmente esse desejo de parar de fumar acontece somente após algum problema de saúde.
- Alimentação: quando uma pessoa tenta parar de fumar um dos sintomas é a ansiedade. Com isso, a pessoa fica mais nervosa e inquieta, além de querer comer a todo instante. Consumir regularmente cenoura e maçã, por exemplo, são alimentos que auxiliam na ansiedade. Coma em pequenas porções, várias vezes ao dia.
- Atividade física: queimar calorias, soar e estimular a produção de adrenalina são eficazes na desintoxicação do organismo. Por isso, se pretende parar de fumar, é hora de sair do sedentarismo.
- Café e Erva Mate: essas bebidas são ricas em cafeína, outra substância viciante e que estimula a vontade de fumar. Evite o consumo. Não precisa necessariamente abandonar pelo resto da vida, mas enquanto estiver na luta de parar de fumar realmente é importante evitar.
- Medicamentos: há remédios e fitas que se aplica na pele. Esses medicamentos não fazem milagres. Claro que ajudam, mas muitas outras ações como as descritas acima são mais eficazes. Sempre consulte um médico antes de usar qualquer tipo de remédio que atuam no vício a nicotina.


E o futuro?
Claro que muitas pessoas desejam que o cigarro um dia se torne uma “peça de museu”. Mas ainda está longe disso. Apesar de muitas campanhas para evitar o consumo do cigarro, ainda há jovens que estão consumindo e se entregando a esse vício.
Paulo Augusto Sebin

15 comentários:

  1. Verdade isso ! ! !

    Acompanhando o blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Que bom!
      Abraço,

      Excluir
  2. Olá Paula.
    Adorei seu Blog e o li durante todo o dia. Primeiro parabéns por ter conseguido.
    Vou resumir minha historia, sou fumante há 15 anos, e apesar de todo mal que o cigarro causa, o que está me levando a parar de fumar nem é minha saúde em si. Por ironia do destino, minha filha (hoje com 2 anos) tem alergia a fumaça do cigarro, e mesmo eu nunca fumando perto dela, só o cheiro que fica na roupa já ataca suas crises, e ela vive gripada, bronquiolite, cansaço, etc. Minha esposa me deu um Cheque Mate, ou eu parava de fumar, ou teria de ir embora de casa, pois bem, hoje é meu terceiro dia sem cigarro (um recorde, pois nunca consegui ficar nem horas sem.. fumava mais de 30 cigarro por dia).
    Estou me sentindo muito chateado (é normal isso ??), podemos dizer que estou mais puto do que o normal.. kkkk
    Sinto tonturas, dores de cabeça, então eu te pergunto, esses sintomas, quanto tempo realmente demoram para desaparecer, ou ao menos amenizar de forma que não atrapalhe no dia a dia ??

    ""Sou Alexandre, moro em Osasco / SP e tenho 28 anos"""

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alexandre!
      As duas primeiras semanas são as mais infernais, mas não pare: trabalhar é fundamental pra tirar o foco da vontade de fumar. Quanto mais tu conseguir desviar o foco, melhor.
      As tonturas e dores de cabeça, pra mim, passaram no fim da primeira semana. Depois da segunda semana, só tinha a irritação, que é consequência direta do vício psicológico. Depois do primeiro mês fica mais fácil. Mas respira muito. Respira fundo. Toma muita água. Vai dar tudo certo :)

      Excluir
  3. Oi, Alexandre!
    As duas primeiras semanas são as mais infernais, mas não pare: trabalhar é fundamental pra tirar o foco da vontade de fumar. Quanto mais tu conseguir desviar o foco, melhor.
    As tonturas e dores de cabeça, pra mim, passaram no fim da primeira semana. Depois da segunda semana, só tinha a irritação, que é consequência direta do vício psicológico. Depois do primeiro mês fica mais fácil. Mas respira muito. Respira fundo. Toma muita água. Vai dar tudo certo :)

    ResponderExcluir
  4. Olá! Parei de fumar ontem. Já estava planejando isso, mas nunca dava certo, sempre deixava pra depois, depois e depois. Mas ontem foi diferente. Eu estou focada nisso. Não importa o quando ruim seja, o quanto a vontade seja irresistível... Não fumarei. Vai ser difícil, eu sei, mas vou conseguir.
    A palavra é : foco!!!!!!

    Irei começar academia semana que vem, acho que isso pode ajudar e será uma mudança na minha vida.

    Parabéns pelo blog. Força a todos que querem parar de fumar, nós iremos conseguir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, Amanda! Foco é tri importante. Ele é quem nos mantém no caminho quando a vontade fica insuportável. Foco, força, água e respira fundo!
      Tamo junto!
      Qualquer coisa, prende o grito!
      Abraço,
      Paula

      Excluir
  5. Oi Paula, tudo bem?
    Tenho 29 anos e estou na quarta tentativa de parar. Dessa vez estou levando mais a sério por questões de saúde e por que meu namorado não fuma e eu quero estar bem pra ele.
    Como parte da minha terapia, comecei a ler seu blog. Leio e releio todos os dias há 14 dias. Parabéns por ter conseguido, está me ajudando muito vir aqui umas 2 - 3 vezes por dia.
    Resolvi fazer um blog pra mim tb. É um lugar extra onde eu posso desabafar... se você puder/ quiser, da uma passadinha lá depois.
    Inclusive, foi uma frase sua que deu título ao blog: Parar de fumar dói.
    Segue o link... http://parardefumardoi.blogspot.com.br/
    Bjão

    ResponderExcluir
  6. É preciso conscientizar os jovens para não experimentarem o cigarro, infelizmente muitos fumam para fazer parte de um grupo e se destacarem. http://www.planodesaude.net/

    ResponderExcluir
  7. eu to disposto a tirar o foco do cigarro, toda vez que eu sentir a necessidade de fumar vou tomar água gelada ou comer qualquer fruta, to captando recursos para vencer essa luta, conto com seu apoio e a sua sabedoria...

    ResponderExcluir
  8. A 30 dias atrás, em uma sexta-feira a noite eu fumei uma carteira de cigarros no periodo das 20h as 2h da manhã. Esses foram os meus ultimos cigarros depois de 23 anos fumando. 30 dias depois eu ainda não consigo acreditar que estou conseguindo, sim, estou firme mas consciente de que terei que me fiscalizar o resto da vida. Para quem esta iniciando essa jornada ou apenas tentando buscar forças para começar, eu gostaria de dizer que os primeiros dias serão um verdadeiro inferno rs, eu tive crises de ansiedade, eu tinha falta de ar, (contraditório eu sei), eu chorei de vontade, foi quando eu me dei conta do tamanho da minha dependencia e isso de alguma forma me deu forças para resistir, eu nao podia permitir que algo que não trás nenhum beneficio tivesse tanto poder sobre mim. Desejo boa sorte a todos que estão nessa batalha. Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  9. clenilson tavares20 de maio de 2015 20:40

    !!Olá boa noite eu também parei de fumar faz 29 dias tenho 31 anos mas tá sendo muito difícil mas com fé em deus vou conseguir a vontade vem muito forte!!

    ResponderExcluir
  10. Meu quarto dia sem fumar..a abstinência estar difícil. Anciedade dor no peito. .Agora a pouco sair de casa pra fazer tarefas normais do dia a dia..e passei mal na rua, uma tontura parecia que eu ia desmaiar, voltei me arrastando pra casa..isso .Estou deixa triste e chatiada. .quanto tempo pra isso passar? ?

    ResponderExcluir
  11. parei de fumar faz 8 anos, e fumei 25... muita força de vontade.
    Nós somos donos de nos mesmos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito legal!

      Excluir