quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Eu parei. E agora eu sei.

Um ano. Um ano desde que eu, desesperada, comecei a descarregar nesse blog tudo o que eu sentia por ter parado de fumar. Parar doeu. Parar me deixou completamente desnorteada, desorientada. Parar me deixou desconfortável comigo mesma.

Hoje eu sei o que fazer com os dedos, como conversar e aquela dor no peito nunca mais apareceu. Não tenho mais tontura, dor nas juntas, vontade de chorar ou de matar por causa disso.

Eu não preciso mais fumar quando eu acordo. Não sinto vontade de dois cigarros depois das refeições e não acho mais que com ele eu "respirava" melhor.

Eu não durmo mais mal por causa disso. Não tive falta de ar. Não acho mais que seja uma presença silenciosa, pois não faz falta. Não preciso mais sair no meio da noite pq o cigarro acabou e não me irrito se estou indo a algum lugar que vá me fazer ficar mais de uma hora sem fumar.

Me sinto livre. E feliz.


Um comentário:

  1. Dia 28/10/2010, parei de fumar, como?
    Chegou um amigo sem o cigarro no meio dos dedos, então lhe questionei e o cigarro? E ele me disse que tinha vindo do cardiologista pois teve um ameaço de infarto, então foi constatado que ele teria que fazer uma cirugia do coração, e que isso só seria possível, depois que ele ficasse no mínimo 1 ano sem cigarro, cas contrário morreria na mesa de operação afogado pela secreção que o fumo deixa nos bronquios.
    Ele ficou desesperado, pois fumava 3 maços de cigarro por dia, como ele iria fazer para parar assim de repente?
    Contou-me ele que foi para casa, isso era uma sexta-feira, e que chegou a noite, e uma amiga convidou-lhe a ir à um baile, resmungou ele, como irei a um baile se não posso nem fumar, como vou tomar minha cerveja sem cigarro?
    Mesmo assim foi, contrariado, mas não levou o cigarro.
    Ficou umas 4 horas e voltou para casa, deitou-se em sua cama, acendeu um cigarro, fumou, acendeu outro e fumou tambem, aí parou e pesnsou:
    - Eu fiquei 4 horas acordado e não fumei nenhum cigarro, posso ficar quanto tempo quiser sem fumar.
    No outro dia saiu para a calçada para tomar seu chimarrão, e foi questionado pelos vizinhos:
    E ai Jorge e o cigarro?
    Respondeu: o que é isso, eu não fumo mais vizinho!
    Todos riram, sem acreditar, mas ele parou, e está vivo.
    Fiquei com vergonha, pois eu fuma uns 5 cigarros por dia e não conseguia parar.
    Depois deste dia, nunca mais fumei,mirei no exemplo dele, até andei acendendo umas duas vezes, para me testar,
    Mas não fumei nem a metade.
    Hoje faz 3 anos e 14 dias que parei. Tendo força de vontade a gente consegue!!!
    Faça assim você também!!
    Dariano Freitas
    Alegrete RS

    Excluir